OAB

23/10/2019
Em nota, OAB-PB repudia graves episódios de violência contra mulheres ocorridos na Paraíba


Em nota, OAB-PB repudia graves episódios de violência contra mulheres ocorridos na Paraíba

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional da Paraíba (OAB-PB), através da Rede Sororidade, da Comissão de Combate à Violência e Impunidade contra a Mulher, da Comissão da Mulher Advogada e da Comissão de Direitos Humanos, emitiu, nota de repúdio, nesta quarta-feira (23), contra os graves episódios de violência contra mulheres ocorridos na Paraíba nos últimos dias.

Confira a nota na integra abaixo 

Nota de Repúdio 

A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional da Paraíba, através da Rede Sororidade, da Comissão de Combate à Violência e Impunidade contra a Mulher, da Comissão da Mulher Advogada e da Comissão de Direitos Humanos, vem repudiar os graves episódios de violência contra mulheres ocorridos na Paraíba nos últimos dias: um estupro coletivo, no município de Santa Rita; um feminicídio de uma adolescente no município de Teixeira e um feminicídio no município de Manaíra. Este último horas após a vítima ter denunciado o agressor na delegacia.

Cotidianamente, a sociedade paraibana vem sendo surpreendida com notícias de violência contra mulheres ocorridas nas mais diversas realidades sociais, sobretudo no âmbito dos relacionamentos familiares e afetivos.

Esse cenário nos mostra que, apesar dos importantes avanços normativos, ainda temos muitos obstáculos a superar na transformação de pensamentos e costumes ainda influenciados por uma cultura predominantemente patriarcal.

Em pleno Estado Democrático, fundado na dignidade humana e em todos os valores constitucionais dela decorrentes, como a igualdade, a liberdade, a autonomia, a fraternidade e o bem estar social, não podemos admitir que mulheres sejam violentadas em sua dignidade, tendo seus corpos violados como objetos de satisfação sexual e, ainda, perdendo a vida dentro de seus lares. Situação ainda mais gravosa e preocupante quando tais vítimas são meninas adolescentes, destinatárias de proteção especial do Estado.

Tais crimes, além de deploráveis, são atentatórios ao processo civilizatório e à sociedade democrática e, por isso, merecem nosso irrestrito repúdio e esforços redobrados no sentido de enfrentá-los.

    • Lançamento Observatório de Candidaturas Femininas
      Lançamento Observatório de Candidaturas Femininas
    • ALPB homenageia Paulo Maia e João de Deus com Medalha e Título de Cidadão Paraibano
      ALPB homenageia Paulo Maia e João de Deus com Medalha e Título de Cidadão Paraibano
    • Concessão da Medalha de Mérito Jurídico ao presidente da OAB-PB, Paulo Maia
      Concessão da Medalha de Mérito Jurídico ao presidente da OAB-PB, Paulo Maia
    • Concessão da Medalha de Mérito Jurídico ao presidente da OAB-PB, Paulo Maia – Parte 2
      Concessão da Medalha de Mérito Jurídico ao presidente da OAB-PB, Paulo Maia – Parte 2
    • Concessão da Medalha de Mérito Jurídico ao presidente da OAB-PB, Paulo Maia – Parte 3
      Concessão da Medalha de Mérito Jurídico ao presidente da OAB-PB, Paulo Maia – Parte 3
    • Concessão de Título de Cidadão Paraibano ao vice-presidente da OAB-PB, João de Deus
      Concessão de Título de Cidadão Paraibano ao vice-presidente da OAB-PB, João de Deus