29/08/2019
CNJ divulga relatório anual de produtividade do poder Judiciário; veja números da Paraíba


CNJ divulga relatório anual de produtividade do poder Judiciário; veja números da Paraíba

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) divulgou, nessa quarta-feira (28), relatório Justiça em Números 2019, que consolida estatísticas sobre o funcionamento do Poder Judiciário em 2018. O documento foi apresentado pelo presidente do CNJ e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, durante abertura em Brasília da 2ª Reunião Preparatória do XIII Encontro Nacional do Poder Judiciário.

Confira o relatório, com dados da Paraíba, clicando AQUIO documento apresenta uma série de indicadores e informações sobre as atividades de 90 órgãos do Judiciário e sobre a prestação de serviços jurisdicionais à sociedade. 

De acordo  com o relatório, a Paraíba obteve o pior resultado no que se refere ao índice de produtividade dos magistrados (IPM) dentre os Tribunal de Justiça de todo o país, em 2018; e o terceiro pior resultado no ranking nacional no índice de produtividade dos servidores  .

De modo geral, o TJPB obteve o terceiro melhor resultado dentre os tribunais da sua categoria, de pequeno porte, no que se refere ao equilíbrio entre o volume de casos novos e pedentes com a força de trabalho disponível (magistrados, servidores e auxiliares) a despesa total da Justiça estadual. Segundo o Justiça em Números, a Justiça estadual recebeu, em 2018, um total de 220.528 casos novos e encerrou o ano com 671.689 casos pendentes de julgamento.