24/11/2017
OAB-PB apresentará o artesanato paraibano na XIII Conferência Nacional da Advocacia


OAB-PB apresentará o artesanato paraibano na XIII Conferência Nacional da Advocacia

Durante a XII Conferência Nacional da Advocacia (Conad), que será realizada entre os dias 27 e 30 de novembro, na cidade de São Paulo (SP), a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), estará divulgando o Estado através do artesanato local.

Na Conad, haverá uma área de estandes de grande estrutura para congregar a todos os participantes durante os dias da Conferência.  O espaço contemplará uma grande variedade de expositores, dentre eles, o estande Nordeste, que terá a participação da OAB-PB.

O estande terá um espaço amplo, confortável e bonito que contará com uma programação de apresentações culturais, shows, sorteio e distribuição de brindes, lançamentos de livro, exposição de artesanato e produtos da Paraíba e dos outros estados nordestinos.

Serão expostas obras de diversos artistas paraibanos, dentre eles, os artesãos Guariguazi, de João Pessoa, artesanato em madeira; Nene, de Serra Branca, artesanato em barro; João de Deus, de João Pessoa, trabalho em metal; Socorro, da cidade de Remígio, peças de boneca de pano da cultura popular; David Emanuel, de boqueirão, peças em madeira; Joca dos Galos, de Bayeux, trabalhos em metal com latas de óleo recicladas; Lindalva Nery , de João Pessoa, bonecas do imaginário infantil; Maria José, de Serra Branca, artesanato em barro; Rogério, de Campina Grande, artesanato religioso, santos finos em madeira; Grupo meninas de xita, Vila do artesão, Campina Grande, que levarão as bonecas de pano da cultura popular e Márcio Greik, de Nova Palmeira, com o artesanato em madeira.

A coordenadora do Programa de Artesanato da Paraíba, Lu Maia, agradeceu a OAB-PB pela parceria.

“Agradeço a OAB-PB pela forma com que quer apresentar a nossa cultura, a nossa tradição e identidade, que é exatamente através do nosso artesanato. Cada peça traz uma história de vida, uma história de tradição, seja na madeira, no barro e no metal”, ressaltou.